Informações do Post - - Jonas Henrique - - 17 de agosto de 2017 | - 3:35 - - Home » » - - 3 Comentários

Resenha: Valerian e a Cidade dos Mil Planetas – Christie Golden

Capa do livro

Com certeza a grande maioria das pessoas já ouviram no filme Valerian e a Cidade dos Mil Planetas, trata-se de uma produção cinematográfica lançada nos cinemas em 2017, ele é baseado em uma série de quadrinhos que leva o mesmo nome. Com um título bem sugestivo e uma história interessante, a adaptação ganhou sua novelização oficial pelas mãos de Christie Golden.

Se você gostou do filme, muito provavelmente vai amar o livro. O texto produzido por Christie é muito bem elaborado e ao mesmo tempo simples, de fácil compreensão e acessível a todos os públicos. O livro traz de uma forma bem interessante o surgimento de Alpha, uma estação espacial criada pelos humanos para recepcionar seres de outros planetas e promover a paz e as boas relações com as civilizações de outros planetas, com o tempo foi se expandindo ficando cada vez maior, começou a representar um risco para o planeta Terra então a estação foi deslocada da orbita gravitacional do planeta para outra região do espaço onde continuou a crescer e a abrigar um número cada vez maior de seres vindo de todo o espaço, assim se tornando a Cidade dos Mil Planetas. A autora produziu uma descrição histórica fictícia do encontro entre a humanidade e novos seres de outros planetas, logo em seu prologo,  apresenta aquelas primeiras impressões com uma descrição adequada e rápida dos acontecimentos.

A narrativa é muito envolvente, os primeiros capítulos já vão te surpreendendo a medida que a história de Valerian vai se desenvolvendo. Esse mundo futurístico é um dos grandes atrativos, somos apresentados mundos extremamente diferentes e ao mesmo tempo fantásticos, a autora soube encaixar com perfeição os momentos de romance, os momentos onde os personagens adotam um tom mais sarcástico e caba por dar um toque de bom humor a obra, as cenas de ação e momentos de tensão também estão na medida certa. Os personagens foram muito bem construídos assim como todo desenvolvimento de sua narrativa.

Valerian é um cara mais solto, tem um estilo próprio de agir, passou por uma experiencia nada fácil na sua infância e tem dificuldades para assumir compromissos sérios, Laureline é mais compromissada e centrada consegue como ninguém se forcar em suas missões e objetivos, ambos ficam se provocando e isso é um dos pontos interessantes da relação deles que estão a mais de dois como uma equipe. Como agentes viajantes do tempo descobrem que uma terrível ameça está se aproximando de Alpha e eles têm a missão de identificar esse perigoso inimigo antes que ele coloque em risco não só Alpha, mas também todo o universo, e é nesse ponto que todo o enredo principal vai ganhando forma. É uma obra pequena, mas completa e muito agradável de ler em um fim de semana. Vale muito apena acompanhar já que é um livro bem movimentado do inicio ao fim.

Ficha técnica

Livro: Valerian e a Cidade dos Mil Planetas

Autora: Christie Golden

Editora: HaperCollins Brasil

Páginas: 240

Ano de lançamento: 2017



3 respostas para “Resenha: Valerian e a Cidade dos Mil Planetas – Christie Golden”

  1. Thai Santos disse:

    Confesso que se não fosse a divulgação massiva do filme, eu nem saberia sobre ele. Estou bem curiosa pra assistir, mas não ao ponto de ir ao cinema, vou esperar sair de locadora.
    Abraços

  2. Ita Souza disse:

    Não conhecia esse livro, mas pela sua descrição parece ser bem interessante. boa indicação

  3. saahfinoti22 disse:

    Oi!
    Eu não conhecia muito desse filme/livro, mas vi o Leon do Coisas de Nerd falando dele outro dia e fiquei muito empolgada.
    Parece que vários filmes como star wars tem seu pé nessa saga, e isso me deixou bem empolgada de ler e também de assistir esse filme.
    Espero gostar

O que achou? Comente!

Mais Visitados