Informações do Post - - Jonas Henrique - - 7 de dezembro de 2017 | - 6:43 - - Home » » - - 5 Comentários

Resenha: Dias de Despedida – Jeff Zentner

Capa do livro

Dias de Despedida é uma obra de ficção que consegue transmitir uma realidade que me impressionou. Jeff Zentner demonstra uma sensibilidade ímpar em sua escrita. O livro acompanha o jovem Caver, um garoto que perdeu os seus melhores amigos, MarsEli e Blake em um trágico acidente de carro e ele não consegue para de se culpar pelo que aconteceu, pois havia enviado uma mensagem perguntando onde os seus amigos estavam e encontraram essa mensagem no celular de Mars, que estava dirigindo o carro e aparentemente respondendo-a.

A história se inicia com Caver no velório de um dos seus melhores amigos, o autor criar um clima tenso e ao mesmo tempo emocionante, os relatos apresentados fazem com que o leitor se veja naquele cenário e no meio daquela situação. A emoção se faz presente em cada momento e logo neste começo já podemos sentir um pouco de como será o clima do restante do livro, mas não pense que é só de tristeza que o livro é feito, há muitos momentos engraçados e alegres que são relembrados nos flashbacks, onde Caver narra todos as situações cômicas da Trupe do Molho. Caver passas seus dias sobre muita pressão, pois há a possibilidade de ser processado e ir parar na cadeia, o pai de seu amigo Mars é um poderoso juiz, porém ele conta com a ajuda de Jesmyn, a namorada de Eli, que se torna sua única amiga na escola, o seu terapeuta o Dr. Mendez e a avó de Blake, a vovó Bestsy, uma personagem centrada e forte que acaba pedindo para que Caver a ajude em um “Dia de Despedida” compartilhando as lembranças de seu neto com os demais familiares.

O livro é todo em primeira pessoa, Caver é quem narra cada um dos fatos e acontecimentos. A escrita é fluida e ágil, o que facilita a leitura, os personagens foram muito bem construídos, cada um com uma personalidade bem marcante, uma das personagens que mais me chamou a atenção foi a namorada do Eli, ela é uma das mais marcantes nesta história, assim como a irmã do Caver que está sempre ao seu lado lhe dando apoio.

Esta obra nos apresenta uma linda e tocante história sobre luto e superação, mostra a importância das verdadeiras amizades em situações como as apresentadas no livro. O autor soube abordar uma gama de assuntos bem diversos e que em nenhum momento prejudicou o desenvolvimento de sua narrativa ou enredo, pelo contrário, enriqueceu ainda mais o seu texto abordando temas como homofobia, machismo e racismo, temas que estão em constante debate em nossa sociedade, também demonstra como cada momento, por mais singelo e simples que seja, é importantes e faz toda diferença em nossas vidas quando estamos ao lado daqueles que realmente amamos. Se você é daqueles que gostam de livros que te façam chorar e ao mesmo tempo rir, Dias de Despedida é o livro que você precisa ler.

Ficha Técnica

Livro: Dias de Despedida

Autor: Jeff Zentner

Editora: Seguinte

Páginas: 392

Ano de lançamento: 2017

 

Aproveita os cupons de desconto da Saraiva! Copie os códigos e clique nos links abaixo e aproveite os descontos!

Válidos até dia 1º de janeiro de 2018

Link 01 ⇒ 15% em Livros (exceto Didáticos, Digitais e Importados) – CUPOM = LIVRO15

Link 02 ⇒ 20% em Livros Digitais – CUPOM = EBOOK20




5 respostas para “Resenha: Dias de Despedida – Jeff Zentner”

  1. um livro sensível que mesmo sendo triste por se tratar de despedida, acaba trazendo uma realidade impressionante. É o livro recomendável para leitores que gostam de uma leitura tocante.

  2. Raquel disse:

    Oi!
    Nunca tinha reparado esse livro na livraria. Achei bem interessante o enredo do livro, mas eu curto mais romance. 🙊
    Bela resenha!
    Abraços

  3. Emy disse:

    Oie! Eu to com esse livro já faz alguns meses na minha wish list da Amazon hahah sua resenha me fez ficar animada pra comprar ele logo!

    Sucesso com o blog, eu adorei!
    Abraços.

    – Museu Invisível

  4. Raíssa Zaneze disse:

    Eu venho vendo essa capa pelas redes sociais da Seguinte e achando bonita e chamativa, mas não sabia a premissa. E agora que sei? Já quero. Adoro histórias assim. Acho que é até de superação também. Fiquei super suuuuper curiosa mesmo. E irei procurar
    Como disse que amo história assim, lembrei de uma das minhas preferidas e que se você não leu, fica a dica: Beleza Perdida.
    Enfimmm rs
    Parabéns pela resenha. Beijos

    https://almde50tons.wordpress.com

  5. Mari disse:

    Deve ser uma história emocionante, dessas que podem levar às lágrimas. Tem que ser lida no momento certo.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

O que achou? Comente!